A IMPOSSÍVEL FOTO DO FUZILAMENTO DE LORCA E A DESINFORMAÇÃO NO MUNDO DOS MEMES

24 maio

Federico García Lorca foi um dos maiores poetas espanhóis do século XX, mas foi também um incansável pesquisador da cultura de seu povo e um divulgador do teatro popular e um ativista por demais interessante. Inteiramente avesso a qualquer tipo de violência física, Lorca dedicou seu fervor republicano a um ativismo cultural itinerante. Uma parte considerável de seus poemas e obras teatrais dialoga diretamente com as tradições de crítica e contestação populares e desnuda uma Espanha violenta, ignorante e fratricida, permeada por uma religiosidade opressora e uma classe dominante despótica.

Lorca-Marcelle-Auclair

Em agosto de 1936, logo depois do início da Guerra Civil Espanhola, o poeta foi arrestado, a partir de uma ordem escrita das autoridades franquistas e foi fuzilado na madrugada de 18 para 19 do mesmo mês. As circunstâncias do assassinato de Lorca permaneceram obscuras durante décadas, seu corpo nunca foi encontrado e, somente recentemente, documentos provando a autoria e a procedência das ordens superiores para sua morte vieram a luz. As circunstâncias do encobrimento desse assassinato foram exaustivamente pesquisadas por Ian Gibson, autor de farto material sobre Lorca.

Por essas e outras é que fiquei muito surpresa ao ver uma foto circulando pela internet como sendo do fuzilamento do poeta. Não apenas por tratar-se de uma impossibilidade histórica, uma vez que o fuzilamento ocorreu de madrugada, em surdina e sem testemunhas. Mas, principalmente, por tratar-se de uma imagem visivelmente pousada, heroica, quase cinematográfica de uma pessoa que nem sequer tinha o mesmo tipo físico de Lorca.

falso fusilamento de Lorca

No mundo dos memes a veracidade das imagens pouco importa, o que realmente interessa é a mensagem que se passa. Então, se a imagem for suficientemente impactante para estimular as reações emocionais desejadas, tanto melhor, nada significando sua falsidade. As frases de efeito mascaram a pouca solidez de um mundo virtual alucinado.

É assim que se constrói a pós-verdade? Talvez. Mas efetivamente é assim que se cria o consenso em cima de mentiras.

Afinal, o aspecto mais monstruoso do assassinato de Lorca é exatamente seu caráter clandestino e criminoso. Os franquistas não tiveram a coragem e nem decência de prendê-lo abertamente como fizeram com outros tantos intelectuais. Ele foi arrastado para a prisão em surdina e depois de assassinado foi jogado em alguma vala comum ou sepultado em local desconhecido para impedir que sua memória fosse respeitada.

O fato de Federico ser homossexual era considerado inadmissível no mundo católico franquista e esse foi um dos fatores que precipitou sua eliminação. A covardia das autoridades espanholas, que durante décadas se recusaram a assumir qualquer responsabilidade nesse crime e nada fizeram para localizar seus restos mortais e devolvê-los à família, figura na galeria da infâmia da humanidade. Bem como a recusa de admitir que o poeta não representava qualquer perigo físico aos falangistas e foi assassinado por motivos torpes ligados ao machismo patriarcal.

É evidente que se você não é historiador, não pertence ao mundo cultural ibero-americano e nem ao espectro das esquerdas comunistas e/ou anarquistas, você não tem a obrigação de conhecer todas estas circunstâncias. Muitos de nós já repostamos hoaxes e caímos na sedução dos memes bombásticos alguma vez na vida. Mas, agora que você sabe, dá para imaginar que esse meme pode criticar ditaduras, mas é um insulto à memória de Federico García Lorca.

Anúncios

7 Respostas to “A IMPOSSÍVEL FOTO DO FUZILAMENTO DE LORCA E A DESINFORMAÇÃO NO MUNDO DOS MEMES”

  1. Paula Duarte maio 29, 2017 às 9:13 pm #

    Oi, Ana. Tô sempre te acompanhando por aqui e tô numa saga de ver todos os seus vídeos no youtube, que são maravilhosos. Num desses vídeos, você falou sobre preparar um material sobre o livro “As palavras e coisas” do Foucault e fiquei muito interessada, sobretudo por que foi um livro que tentei ler e não consegui destrinchar. Adoraria ler algo sobre isso escrito por você. Abraço. (:

    • annagicelle maio 30, 2017 às 1:12 am #

      obrigada por sua gentileza, estou sem condições de gravar mais vídeos, mas tenho algumas ideias para um podcast, quem sabe no próximo ano. E aí seria um formato em que poderia falar mais sem o arquivo ficar tão pesado na hora da postagem 🙂 E esse é um livro que quero abordar 🙂

  2. Aluisio Dalmarsio Azevedo Souza setembro 19, 2017 às 5:47 pm #

    E bom lembrar que a ditadura de Framco foi apoiada pelo regime marxista da União Sovietica.

    • annagicelle setembro 19, 2017 às 11:13 pm #

      Eu creio que você está inteiramente equivocado, não sei quais são as suas fontes para tal informação, mas talvez devesse pesquisar sobre a Guerra Civil Espanhola com mais cuidado. 😦

    • Cathy setembro 26, 2017 às 6:21 pm #

      Por favor!!! Como pode dizer que a ditadura de Franco foi apoiada pela União Soviética, se foi dos poucos Estados que ajudaram a República espanhola contra o golpe e durante a guerra, en dinheiro, armas e homens, cuando França e Inglaterra recusaram dar ajuda e foram civis que se engajaram nas brigadas internacionais. Se os republicanos até enviaram os seus filhos para a Bélgica, o México, e a União Soviética!!!! para salvá-los, parem de desinformar por favor!!!

      • Cathy setembro 26, 2017 às 6:26 pm #

        Por favor!!! Como pode dizer que a ditadura de Franco foi apoiada pela União Soviética, se foi dos poucos Estados que ajudaram a República espanhola contra o golpe e durante a guerra, en dinheiro, armas e homens, quando França e Inglaterra recusaram dar ajuda e foram civis que se engajaram nas brigadas internacionais. Se os republicanos até enviaram os seus filhos para a Bélgica, o México, e a União Soviética!!!! para salvá-los, parem de desinformar por favor!!!

  3. André Pinto outubro 3, 2017 às 12:22 am #

    Não percam tempo discutindo com o Aluísio. Vejam o perfil dele no Facebook, totalmente direcionado à direita ultraconservadora que assola o país.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: